Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Em Mação, mais propriamente...

por nino, em 20.07.08

 

...na barragem de Ortiga/Belver...e o "clarão azul" compareceu!!!...(tínhamos-lhe confessado que estávamos a chegar às 3 000 visualizações...ao 1º ano de existência...e geralmente, quando é assim, a Mãe Natureza colabora! claro que, solidariamente, com o nosso planeamento...)

 

Hoje, reservamos-vos uma pequena surpresa...

 

"Com intentos de superatenção, na horta da foz d'eiras, da amiga Leonor, (a quem desde já agradecemos a disponibilidade para ignorar a nossa atrevida intrusão) com chuva de "morraçar"...trazíamos um objectivo bem claro, desde as 6 e meia da manhã...

esperámos e esperámos...

e ele chegou, por volta das 11 e foi ultrapassado...sem imaginar poder chegar à fama, como modelo fotográfico...e nós, numa missão quase impossível, quase de detective...

e desde hoje lhe mudámos a vida...está na net!!! o nosso alcedo, entrou na net! O Fabuloso Guarda-rios, posou para nós!"

 

a surpresa, essa, reside no facto, da essência do texto, ter sido definido pela Guida (que não o queria...mas, que remédio?!)!!!

 

E por nós, ficámos hoje também a saber que, com as bugigangas que já tínhamos, desde as redes e telas de camuflagem, ao banco tripé, às molas da roupa, sim, essas mesmo, etc., com a preciosa e cúmplice colaboração  da Guida, podemos ver sem ser vistos, as aves claro está...

e vamos assim, garantidamente, fazer mais e melhor, em termos de passarada de Mação!

 

Que gostem do

 

Guarda-rios (Alcedo athis),

maçanico...

 

 

 

 

Para além do dito, como NOTA DE RODAPÉ, queremos comunicar aos nossos caros visitantes, que estamos e estaremos sempre disponíveis,  ainda para mais, por causa do 1º ano de existência do blogdonino, e desde que não achem que ´"é uma seca", a que venham connosco, para o campo, experimentar, fazer imagens dos nossos amigos de penas e bico...temos uma câmara a mais... xicorreiaii@sapo.pt é a melhor forma de contacto, entre todas as outras...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 15:49

...e meia estação louca (silly season?...)...já cumprida, em Mação!...

por nino, em 13.07.08

 ...este ano!

 

Parece que tudo acontece abruptamente, carregadinho de stress e...depois...tudo se foi...tudo se dissipou, num ápice, qual chuvada de verão.

Por nós (referimo-nos às nossas andanças...em auditorias...nos "Mação total" e parcial...com arranque de obras e cumprimento de suas metas...com o nosso afastamento de algumas actividades...com os Santos Populares...Feira Mostra...etc., etc., tudo em curtíssimos dias, com as mesmíssimas vinte e quatro horas cada...)...contrariamente a outros de quem bastante gostávamos, cá vamos sobrevivendo e já que mais não podendo, aqui lhes prestamos a nossa convicta, profunda, amiga mas...última homenagem...abraço Isidro! que não murchem as flores que por cá deixaste... Aos que vamos, por enquanto, ficando...coragem e ânimo, será a estratégia a adoptar!...

 

Por outro lado, tivémos ainda a enorme satisfação, e por isso mesmo nos congratulamos, com a oportunidade gerada de nos apercebermos de "zunzuns" de que, algumas ideias e projectos, relacionados com o ambiente, a sustentabilidade, a natureza, parecem ter já mais algo que, simplesmente, o etéreo...e bem pertinho de nós...longa vida, aos responsáveis pelo seu desenvolvimento!

 

Pois é, passarada! de férias até agora! mas podem ter a certeza que por nós, as terão terminado de imediato!

Vá lá, vá lá, que vos deixámos crescer e amadurecer mais um pouco, para melhor poderem enfrentar as vicissitudes e contrariedades deste nosso ingrato e agreste mundo...

 

Mas, vai chegando e...queremos atingir as 3000 visualizações antes de cumprirmos 1 ano inteiro de existência...para isso, vamos arregaçar de novo as mangas e contando com a vossa ajuda e o apoio dos nossos tolerantes amigos visitantes, havemos de consegui-lo!!! A meta está à vista!

 

 Os pintassilgos (Carduelis carduelis), serão os primeiro a "gramá-las"...e dos juvenis...na estação da Ortiga ou será de Alvega?!

 

 ...aqui, a descobrirem, caloiramente, os aromas do mundo...

 

 

 

 

 

 

Até "Sylvester, ""The Cat"" colabora solidário, ainda juvenil...mas, já à espreita!...

 

 

 

depois,... os paladares...

 

 

 

 

 

 

 

...mas amigos, por favor, estejam alerta e não nos deixem aproximar tanto, a descoberto...pois poderemos não ser nós...

 

De todas as maneiras, pintassilgos, bem hajam pela colaboração!!!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:16

Em Mação também...

por nino, em 23.05.08

...a instabilidade do tempo, persiste em toda a parte...

 

...e não bastando...

 

...Há uns anitos atrás, assumimo-nos como "praticantes de pesca desportiva, dos de trazer por casa". Daqueles, que ao invés de empatarem anzóis em fio adequado, mais fácil e dolorosamente os empatavam pela barbela, às pontas dos próprios dedos...

Sem sombra de dúvida, desporto relaxante e apaixonante, cujo objectivo, sobejamente conhecido, é capturar peixes e depois, porque não, libertá-los, devolvendo-lhes assim, a "dignidade" momentaneamente perdida...(já ouvimos isto algures...).

 

E assim sendo, salvé! caros pescadores!

 

Mas... será que para desenvolverem tão nobre desporto e realizarem os vossos esporádicos concursos, necessitavam de uma limpeza tão profunda e brutal, da vegetação da vossa concessão, ali à Barragem? Será que seriam assim tão frequentes e bastas as vezes que se emaranhariam os apetrechos e aparelhos, na dita?

 

Será que tinha de ser na plenitude da Primavera, embora no ano que decorre, o esteja a fazer deveras envergonhada, armados até aos dentes, de roçadoura e gadanha, de motoserra e podadora, que teriam de avançar contra uma vegetação frondosa e verdejante?  Mais e sobretudo, servindo de abrigo e porque não, de lar, a não saberemos quantas famílias, muitas delas com os descendentes a experimentarem agora os primeiros raios de sol e as primeiras gotas de chuva...

 

Pois é! dum momento para o outro, nada...

...foram-se os guarda-rios, os chapins, os pintasilgos, as felosas, os tentelhões, as toutinegras...até parece que, solidariamente, as ninhadas dos reais bravos quase domésticos minguaram p'ra metade...

 

 

 

 

 

Contrariamente ao vosso desígnio, ficou mais cinzenta (tal como a nossa imagem...) e pobre, a nossa barragem!

 

Gostaríamos de ter visto a limpeza, mas com critérios...

...porquê continuam os sacos de plástico coloridos dos restos de engodo, ao deus-dará? porquê continuam as garrafas de água vazias, a adornar as margens agora tão mais despidas? porquê, os restos dos farnéis...?

...e os contentores para lixo, estão lá...fará se não estivessem...

 

Não, felizmente, os nossos pequenos amigos de penas e bico, não são rancorosos, nem invejosos, nem tão pouco, egoístas! E é certo, que mais dia menos dia, os sentiremos de regresso!

Em menor número, mas mais prudentes, mais cautelosos, ah e claro, mais, mas muito mais espertos do que quem os escorraçou!!!...

 

Até à vista!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:24

Usar Mação...

por nino, em 24.03.08

 

...nos títulos dos posts do nosso blog, para além de lhe incrementar significativamente, o número de visitas, consegue fornecer-nos indicações curiosas sobre quem a ele acede...

Ou seja:

...há quem nele tropece...

...há quem a ele aceda por mera curiosidade aguda ...

...há quem a ele aceda por mera curiosidade crónica...

...há quem a ele aceda por amizade...etc...etc...

 

e dou comigo a pensar (em tempo do quadragésimo post e do milésimo tricentésimo acesso), se algum dos nossos simpáticos e amigos visitantes, o acederá já por gosto pela "passarada" da nossa terra???...

 

Se sim, aqui lhes deixamos, a eles em particular, mas é claro, a todos em geral, mais um amigalhaço de penas e bico, que embora seja vulgar pelas nossas bandas, o fomos recrutar um pouco mais a norte, nas nossas beiras profundas...

 

Esperemos que gostem.

 

A pé, olhos nos olhos, nós com a xti e a 400mm...ele, com toda a liberdade do mundo...desafiou-nos o quanto quis,

 

Chapim-real (Parus major)

 

Reino: Animalia

Philo: Chordata

Classe: Aves

Ordem:Passeriformes

Família: Pariidae

Género: Parus

Espécie: P. major

Nome binomial: Parus major

 

possui um repertório invejável...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:33

Mação, do alto...

por nino, em 19.03.08

 

 

...e que sensações!...

...o novo miradouro, como que nos deseja lançar num planado libertador...arrebatando-nos...obrigando-nos a usar a imaginação de modo a optimizarmos a capacidade de fruição da nossa própria envolvente...

 

...e repousamos um pouco nesse teatro, virados para um palco de dimensões pouco menores que o infinito...a tentar avaliar as sensações de quem pratica os novos radicais, tais como a delta, o para-pente,...

...ou mais alto ainda, imaginando-nos nas..."asas do Condor..." (Espanca), ou da Águia Real, ou da Imperial, ou do simples Grifo, ou do Britango, ou do Abutre Preto, ou da Bonelli,...

 

Ora...assentemos mas é, os pés no chão!

Gostámos do atrevimento do novo miradouro do Bando!

 

O S. Gens cá em baixo, pequenino e o Mação também...

 

Pena, as encostas despidas...logo se vestirão! Assim as queiram deixar...nós e os Elementos!

Pena, a despudorada intromissão e o quebrar da cadência do horizonte, por alguns dos lamentavelmente necessários, "trangalhadanças brutamontes, de alguns dos filhos dos requisitos de Quioto"... 

 

Valha-nos isso sim, também e muito, o arraial de cores e aromas do florido primaveril da nossa carqueja, e da urze, e da giesta, e da esteva, e do tojo,...

 

Recomendamos!

...mas agasalhem-se...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 BOA PÁSCOA!!!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:33

Finalmente de Mação...

por nino, em 26.09.07

...para o Chão do Brejo!

 

Arranjadinho, arrumadinho, asseadinho...e a água na mina do ti Guilherme, fresquíssima! do parque de merendas.

 

À procura da bem escondida forma física, gostamos de deambular por lá...habitat também propício a encontrarmos algumas espécies, que não ocorrem tão frequentemente cá por baixo. Digamos que existe um pouco de complementaridade entre os dois: a moderada altitude da serra do Bando no Chão do Brejo (tojo, urze, carqueija, esteva, silvas,...) e a relativa planura da zona ribeirinha do Tejo (olival, hortofrutícolas, salgueiros,choupos, silvas,...)

Todavia, são muitas as espécies presentes em ambos os sítios,... tal como as silvas...

 

Para já, mostremos uma amiga, que se dá lindamente por aquelas bandas do Bando...vocalização suavíssima, num tsssi...tsssi característico. Cooperantes por vezes, se mostrarmos alguma descontracção, desinteresse e claro...paciência.

 

Penso que poderemos afirmar que: ir ao chão do Brejo e não as ver, é quase como ir a Roma e não ver...o Papa?!

 

Eis duas imagens da

 

Cia (Emberiza cia)

 

Reino: Animalia

Philo: Chordata

Classe: Aves

Ordem: Passeriformes

Família: Fringillidae

Género: Emberiza

Espécie: E. cia

Nome binomial: Emberiza cia

 

 o canto macio e suave...

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:27

alguns vulgares...outros nem tanto...

por nino, em 01.08.07

 

Pois é...parece oportuna a questão:

quando alguém tropeça com o olhar numa andorinha, será que se interroga: "dos beirais?  das chaminés?  dáurica?..."

tal como nos acontecia há uns tempos atrás: andorinha...seria andorinha. (e isto foi um ponto final parágrafo)

Sim, são pelos menos 5 variedades que nos visitam, anunciando geralmente a Primavera, ou então já convivem connosco praticamente todo o ano (aquecimento global? globalização?...por vezes também as baralha)...abaixo apresentamo-vos 4 delas (ficará por mostrar a Andorinha-das-barreiras (Riparia riparia)):

 

...na barragem da Ortiga, a dar-nos a saudação de boas vindas...pareceu-nos na altura, que também haveria por ali alguma curiosidade e até, excesso de confiança...basta uma saltada ao paredão das comportas e ei-las, no seu entontecedor vaivém...captá-las em voo? missão quase impossível!...

...pintas brancas (espelhos) na cauda, é também "imagem de marca"...

esta por cá vai ficando todo o ano...

 

Andorinha-das-rochas (Ptyonoprogne rupestris)

 

Reino: Animalia

Philo: Chordata

Classe: Aves

Ordem: Passeriformes

Família: Hirundinidae

Género: Ptyonoprogne

Espécie: P. rupestris

Nome binomial: Ptyonoprogne rupestris

 

...diz assim...

 

 

 

Associada geralmente, a zonas de pastagem...chegam a tolerar bastante bem, a aproximação da objectiva.

De tons alaranjados.

Não podemos dizer que seja vulgaríssima.

Na nossa zona, conhecemo-la do Caminho Agrícola do Tejo.

 

Andorinha dáurica (Hirundo daurica)

 

Reino: Animalia

Philo: Chordata

Classe: Aves

Ordem: Passeriformes

Família: Hirundinidae

Género: Hirundo

Espécie: H. daurica

Nome binomial: Hirundo daurica

 

...e esta assim...

 

 

 

No afã da preparação das empreitadas...para construção do lar. Praticamente não descansam...fase de recolha da matéria prima, na barragem da Ortiga.

Esta sim, vulgaríssima!

 

Andorinha-dos-beirais (Delichon urbica)

 

Reino: Animalia

Philo: Chordata

Classe: Aves

Ordem: Passeriformes

Família: Hirundinidae

Género: Delichon

Espécie: D. urbica

Nome binomial: Delichon urbica

vamos ouvi-la...

 

 

 

Vulgaríssima, também...em Mação.

Babete cor de tijolo.

 

Andorinha-das-chaminés (Hirundo rustica)

 

Reino: Animalia

Philo: Chordata

Classe: Aves

Ordem: Passeriformes

Família: Hirundinidae

Género: Hirundo

Espécie: H. rustica

Nome binomial: Hirundo rustica

 

...escutemo-la também...

 

 

 

Estes...são às pázadas! em todo o lado...e sempre!

Abaixo, três imagens de machos. Gorjeira (garganta) preta e coroa cinzenta.

Como usual nas aves, as fêmeas têm uma plumagem mais discreta.

 De Mação.

 

Pardal comum (Passer domesticus)

 

Reino: Animalia

Philo: Chordata

Classe: Aves

Ordem: Passeriformes

Família: Passeridae

Género: Passer

Espécie: P. domesticus

Nome binomial: Passer domesticus

 

...e porque não, ouvi-los!?...

 

 

 

 

Podemos assegurar, que tal como as andorinhas, existem outras variedades de pardais para além deste, só que até ver...ainda não os vimos..., por cá...portanto e para já, pardal é pardal.

 

 

Outra, que cada vez se torna mais comum, embora se chame turca...

hoje em dia, parece-nos bastante, olhar para cima, para avistar uma qualquer...

...em Mação e em todo o lado, todo o ano.

 

Rola turca (Streptopelia decaocto)

 

Reino: Animalia

Philo: Chordata

Classe: Aves

Ordem: Columbiformes

Família: Columbidae

Género: Streptopelia

Espécie: S. decaocto

Nome binomial: Streptopelia decaocto

 

...tentemos perceber se se exprime em turco...

 

 

 

em baixo apresentamos duas, tentando revelar algumas das diferenças de plumagem, para as parentes turcas...

muito mais esquivas as turtur, habituadas que estão a furtarem-se aos bagos de chumbo em dada época, na expectativa de ainda conseguirem migrar para outras paragens, por mais um par de vezes...

Uma das diferenças imediatamente perceptíveis: o padrão das asas. Outra, as linhas de colar.

 

...seguramente, também não se expressarão em turco...

 

Rola brava (Streptopelia turtur)

 

Reino: Animalia

Philo: Chordata

Classe: Aves

Ordem: Columbiformes

Família: Columbidae

Género: Streptopelia

Espécie: S. turtur

Nome binomial: Streptopelia turtur

 

...esta  mais jovem...

 

 

 

...esta menos jovem...

 

 

...desculpem a artificialidade e design do poiso...

 

 agora com  vossa licença...voltaremos depois!!!...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:55

equipamentos...

por nino, em 01.08.07

Indicados que foram alguns dos locais que privilegiamos nas nossas andanças avifaunísticas regionais e assumido o compromisso de "começar mesmo no início" a descrição do nosso hobby de estimação, cá estamos então, a mostrar algumas das nossas singelas ferramentas...queríamos ter mais e melhor! mas para já, contentemo-nos... mais tarde se verá...

 

aqui, no Caminho do Tejo, armados com:

  • binóculos 7-12x35
  • dsc h1 + 1.7x
  • e o santana, sem direcção assistida...

 provavelmente a observar um ou vários Corvos marinhos de faces brancas...

 

 

 

aqui, na barragem, com:

  • o terrestre 20-60x80
  • tripé de não sei quê...
  • a dsc h1 + 1.7x
  • e o tal do santana...
  • mais outro tripé, não sabemos bem também de quê, mas um pouquinho melhor...
  • outros binóculos 8-12x40, estes dois últimos itens de reserva...

seguramente a espreitar patos reais bravos quase domésticos, ou galeirões, ou ainda galinhas de água...

Extraordinariamente, dali, avistei uma única vez...uma Garça imperial!!!

 

 

e quem me caçou?

 

claro está, a assistente  competentíssima, Francisca!!!

 

Olá olá, Francisca!!!

 

 

...resta mostrar "os tarecos" com que por vezes ensaiamos digiscoping (...adaptando uma compacta barata de 6 megas e 3x óptico à ocular do telescópio)...contudo, teremos de deixar para uma próxima, pois estão no profissional de torno (sim, não de turno), a realizar alguns ajustamentos ao sistema adaptador.

Ah, importantíssimo! não nos esqueçamos  deste amigo no qual estamos a bater, com a ponta dos dedos...

 

Bem e já agora, temos de declarar:

  • um pano camuflado, com armação de alumínio, por trás do qual nos tentamos esconder algumas vezes (hoje em dia, estamos em crer que ele denuncia mais do que camufla...enfim, desconfianças...)
  • um impermeável verde até aos pés, que adquirimos numa feira dos santos, após dias antes termos apanhado tamanha molha, cuja descrição se torna ainda hoje complicada e até dolorosa...
  • coletes vários, com variados bolsos para: pilhas, pastilhas, canivete, cartões, cigarros não, que deixámos de fumar há vários anos, um dos guias de aves, ocasionalmente, kit de limpeza, telemóvel, de preferência mudo, etc.
  • uma caixa grande, onde caiba tudo ou quase...dos chineses;
  • um bean bag (leia-se saco de feijão ou arroz trinca) que ainda está a ser desenvolvido. Servirá para apoiar na janela do santana e ajudar a aconchegar e estabilizar por sua vez, as lentes que utilizarmos;
  • calçado razoávelmente cómodo;
  • claro, um boné que escusa de ser claro...
  • e paciência,...montes de paciência...

 

Nota: as imagens apresentadas neste post, foram realizadas, inclusivé o autoretrato, pela Francisca, a quem auguramos uma fulgurante carreira no mundo da passarada...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:55

o arranque com... alguns dos habitats...

por nino, em 01.08.07

Tanto andámos...tanto andámos...que lá nos decidimos... e vamos às aves em Mação...actividade para a qual, de imediato, os convidamos a participar!

 

(após termos "esgotado as pilhas de Galápagos" em nino11.blogs.sapo.pt. Claro que esperamos sempre por qualquer comentário (leia-se "boca") que entendam adequada...)

 

e uma das preocupações com as prioridades, conduziu-nos ao início...(veio-nos à ideia que seria boa, começarmos por ele!!!)

 

Mostraremos então, tudinho desde o dito:

 

Aproveitamos também para informar, que a maioria das imagens que iremos mostrar, encontra-se já há tempos, publicada no portfolio da www.cm-macao.pt. Porém, assola-nos a sensação de que, involuntariamente, o "entupimos"...Daí então, procurarmos dar um pouco mais de visibilidade ao nosso hobby por esta via (ideia inculcada também, por um amigalhaço, com quem por vezes partilhamos os humildes e imberbes conhecimentos de fotografia) ...a duvidosa qualidade das imagens captadas, essa ficará inteiramente disponível para a vossa avaliação e comentários.

Ficaremos satisfeitos, se alguns dos nossos conterrâneos, menos entendidos nestas coisas da natureza silvestre, se aperceberem que também na nossa zona, para além dos pardais e andorinhas, já para não falar de galinhas, patos e perus, existem muitas mais espécies de aves...

 

"Mãos à obra, então!"

  • algo dos locais por onde deambulamos, com os equipamentos que apresentaremos,  em próxima oportunidade:

Serra do Bando:

"Mina do Ti Guilherme" ou Parque de Merendas do Chão do Brejo

 

 

 Idem noutra perspectiva

 

Outro pormenor do Chão do Brejo...

...veremos depois, que por aqui vagueiam algumas espécies interessantes...

 

de novo o Chão do Brejo, agora com o horizonte mais alargado...

 

 

 algumas ferramentas do autor (...não, não estão nem perdidas, nem abandonadas...antes à espreita...sem esconderijo...)

 

 

"Mação visto da Fonte do Forno" e de onde dá para enxergar o "Vale da Baixeira", parte do "Calvário", etc.

 

 

 

Aqui, um pequeno pormenor de vista sobre a albufeira da barragem da Ortiga (foto Francisca)

 

 

Em baixo, conjunto do primeiro de Portugal, o Tejo, visto do seu Caminho Agrícola... em Ortiga... e onde já dedicámos horas e horas das manhãs...vejam lá...de muitos Domingos, sobretudo!!! Reencontrá-lo-emos inúmeras vezes daqui prá frente! Asseguramos.

 

 

 

 

 

 

 

Infelizmente por vezes, também o agridem...e ainda para mais, quem dele tira vantagens, calcule-se! Gostaríamos de pensar que de forma inopinada...porém, a agressão acontece e as feridas ficam expostas!!! ...que não infectem, é o que mais desejamos...

 

e pronto, para começar e não cansar, como primeiro episódio, aqui fica uma pequenina apresentação de alguns dos sítios geralmente visitados,

 

...outros capítulos se seguirão!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:54

CALMA, QUE ESTÁ QUASE!!!

por nino, em 29.07.07

 estamos a trabalhar arduamente de modo a iniciar a publicação ainda este ano!!!...ou melhor, esta semana!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:30


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D

subscrever feeds